26 de março de 2012

Gratidão!

Olhem só esses sorrisos! Essas companheiras nos deram a alegria de receber nossa contribuição para o enxoval. Esse encontro se deu no Hospital Municipal Esaú Matos, em Vitória da Conquista-BA.

Com o apoio carinhoso da equipe de enfermagem, temos conseguido cumprir nosso propósito de dar um pouco de conforto a esses nossos queridos irmãozinhos e irmãzinhas.

Agradecemos a todos pelo carinho e pelas doações, e que Deus nos permita a continuidade na tarefa.
Contamos com vocês!

Paz e luz!

4 de dezembro de 2011

Utilidade: Troca de Fraldas

Olá!

Hoje quero falar um pouquinho sobre os cuidados com os nossos pequenos.
Trocar fraldas pode parecer simples para quem já tem experiência, mas é sempre importante  identificar alguns detalhes.
Para os “marinheiros de primeira viagem”: com os agitadinhos a tarefa fica um pouco mais emocionante! rsrsrs....
Vamos lá!
Passo 1 – Vamos nos organizar

Primeiramente vamos higienizar as mãos, colocar o trocador sobre a superfície a ser usada e conferir se tudo que precisamos para fazer a troca está ao nosso alcance.
Vamos precisar de: fralda descartável ou fralda de pano, pomada contra assaduras, algodão e água morna.



Passo 2

Você deve colocar o bebê de barriga para cima em uma superfície segura, macia e plana, verifique se não há corrente de ar no local. Levante as perninhas do bebê e retire a fralda, enrolando-a para jogá-la no lixo, se for o caso. Tome o cuidado de fechar as abas novamente, para que não grude nas perninhas do bebê.



Passo 3
Caso seja uma menininha, tome cuidado para que a limpeza seja feita de cima para baixo. Pegue um chumaço de algodão umedecido com água e passe no bumbum do bebê, nas dobrinhas, nos grandes lábios e do lado da vagina. Esta higienização é importante para evitar infecções.
Para o menininho a limpeza também tem cuidados especiais: com o algodão umedecido, passe no sentido de cima para baixo limpando bem o prepúcio. Lembre-se que os meninos gostam de dar um sustinhos, portanto, nesta hora, esteja precavido com os chumaços ou um pano, pois é comum escapar xixi na hora da troca.


Passo 4


Após ter feito toda a limpeza do bumbum do bebê, seque-o com uma toalha ou um pano macio e finalize com a pomada contra assaduras.








Passo 5
Agora é hora de colocar a fralda no bebê levante as pernas delicadamente e coloque a fralda descartável embaixo do bumbum, deite o bebê acomode-o de maneira que a fralda fique ajustada no corpo do bebê.
Com a fralda de pano é preciso muito cuidado com o alfinete: dobre a fralda e coloque a mão por dentro para não espetar o bebê.

Viu como não requer prática e nem habilidade? Precisa só de paciência e carinho, pois o bebê está em contato com você olhando, sentindo, precisando de sua atenção!
Então mãos à obra, ou melhor dizendo, mãos às fraldas!
Fonte e foto: bebeabril.com.br


Aos que desejem colaborar, lembramos a conta para doações:
Muita paz!
"Não olvides que caridade é o coração no teu gesto."
( Meimei )

31 de outubro de 2011

O Projeto



"Caridade é amor, em manifestação incessante e crescente. É o sol de mil faces, brilhando para todos, e o gênio de mil mãos, amparando, indistintamente, na obra do bem, onde quer que se encontre, entre justos e injustos, bons e maus, felizes e infelizes, por que, onde estiver o Espírito do Senhor aí se derrama a claridade constante dela, a benefício do mundo inteiro. (Emmanuel, pela psicografia de Chico Xavier, na obra Viajor)"

Ao me dedicar a este trabalho, não tinha noção do quanto a Espiritualidade Maior já tinha o Projeto adiantado, aguardando somente minha adesão (acho que demorei um pouco pra entender... rsrsrs). Tanto isso é real, que me assustei ao ver chegarem tantas colaborações, sugestões, apoio, orientação!

E foi assim... depois de uma viagem à Bahia, em que conheci bem de perto o trabalho de uma manjedoura (em Vitória da Conquista, é assim que chamam as salas de costura de enxoval). Lindo nome não?!

O Projeto Amigos da Manjedoura é uma parceria Minas-Bahia, com o objetivo de apoiar a gestante carente com a doação de peças de enxoval para o bebê. Trabalhamos na confecção das roupas e na obtenção das matérias-primas e de itens como sabonete, banheira e fralda descartável.

A costura sempre foi uma grata atividade; fazer para amparar materialmente esses nossos irmãos que chegam para uma nova experiência está sendo uma benção! Uma terapia e tanto! Recomendo!

Depois de me ambientar com os moldes e com a máquina de overloque (essa máquina é uma ótima oportunidade para se buscar a paciência!), buscamos, eu e minha amiga Mag, montar uma parceria. Ela, que começou o trabalho no ano passado, me ajudou a dar os primeiros passos com o manuseio da máquina, a compra de tecidos, linhas, muitas coisas novas pra mim.

Agora, confiantes de que essa parceria já tem frutos, divulgaremos nossos trabalhos e o andamento da distribuição. Como realizamos esse trabalho em nossas casas, achamos por bem não nos ligamos a nenhuma casa espírita, embora várias recebam nossa colaboração. Acreditamos que assim podemos auxiliar várias pessoas, pois os enxovais são entregues a quem deles necessitar, sem distinção alguma. Os kits são compostos de conjunto pagão, manta, cobertor, fralda de pano, touca, enfim, o que for necessário e possível.

Aos que puderem colaborar conosco (por isso o blog se chama Amigos da Manjedoura), disponibilizamos esta conta para receber doações. Afinal, juntos somos mais!


A ideia é divulgar o trabalho, trocar experiências e fortalecer a iniciativa!
Abaixo podem ver algumas peças feitas com muito carinho.
Paz e luz!